José Lucena Gaia

José Lucena Gaia: nasci em 1954, sou Engenheiro Civil (IST) e Membro Sénior da Ordem dos Engenheiros.

Casado, Pai de duas Filhas e um Filho, gozei a minha juventude em África (Angola e Moçambique), onde ganhei o vício pela imensidão dos espaços, descoberta e aventura, e necessariamente pela ausência de “fronteiras”. Ainda na minha juventude, regressei definitivamente a Portugal, para reencontrar essa imensa liberdade no desenho e na fotografia.

Na revista Visão, em 1975, publiquei o meu primeiro conto do Fantástico, em Banda Desenhada. As pranchas originais de O Último Dia, foram uma das duas representações Portuguesas no Salão Internacional de Angoulême, em 1976.

Num artigo de página do semanário Expresso de 15 de Abril-78, o meu estilo de desenho para B.D. foi classificado por Moacy Cirne como «burilamento pictórico, de feitio poetizante»... Não abandonei o desenho: Substituí as “Rotring” e a tinta da china pelo teclado do computador, materializando com único recurso a letras, a traços, a pontos, vírgulas e sinais, os desenhos e imagens que ilustram a continuação da descoberta e viagens, em “ausência” de fronteiras, de que afinal nasceram os Diários de Um Globe Trotter.

Página oficial do autor: http://diariosdeumglobetrotter.blogspot.pt

  Ver livros do autor
 
Sugerir alteração

  Livros do autor

Comentários

Para comentar precisa de estar registado

 
 
 
 
 
Livro adicionado ao carrinho
De momento, este livro não está disponível para encomenda.